Perto de completar 1 ano de Futeblog! Finalmente estou para terminar a matéria mais longa e trabalhosa de toda a minha curta carreira. Desde o início do blog eu pesquisei e estudei sobre a evolução tática dos times de futebol, e aqui está o resultado. Espero que apreciem. Comentem e participem se eu estiver incorreto em alguma afirmação.

 

1-1-8 A Primeira Tática do Futebol

 

Essa foi a primeira estratégia que apareceu no futebol, tem-se registro dela desde 1863. Usada até 1871, essa tática contia apenas um homem de defesa e um meio-campista, enquanto forma-se uma linha de oito jogadores de frente. Deveria ser muito bonita uma partida entre duas equipes no 1-1-8 hein…

 

1-2-7 Pequena Evolução

Seleção Inglesa de 1871

 

A tática primeiramente usada no futebol inglês, delegava outro atleta para o meio campo. Atuando entre armadores e volantes, mesmo assim, ainda não era uma coisa tão bem organizada

 

2-2-6 Quase lá

Seleção da Escócia 1872

 

A estratégia que marcou o período de 1872 a 1883 foi o 2-2-6. Maior preocupação com a defesa, dois backs e dois meias, ainda tinham 6 homens de frente, mas eles tinham funções. Eram dois pontas, dois atacantes internos e dois centroavantes.

 

A Pirâmide, Formação Clássica

Seleção Britânica Campeã Olímpica de 1912

 

A partir de 1883, a formação adotada por praticamente todo mundo do futebol foi o 2-3-5, conhecida como “A Pirâmide” ou “Sistema Clássico”. A primeira a atingir um nível de equilíbrio. Dois zagueiros, um na sobra e outro saindo para caçar, três meias, dois marcadores de pontas e um o cérebro do time, e cinco atacantes, sendo eles dois pontas, dois atacantes internos, que voltavam para ajudar no meio, e um centroavante, até a Copa de 38 muitas equipes ainda a usavam.

 

WM, A Formação do Futebol Moderno

Arsenal 1929

 

Com a mudança na lei de impedimento no fim dos anos 20 (a partir daquele momento um atacante teria de ficar atrás de dois homens de defesa e não de três como era anteriormente) o professor de geometria e treinador do Arsenal Herbert Chapman armou um esquema que mudaria o futebol e seria base de praticamente todas as equipes do mundo. O WM (3-2-2-3 ou até 3-4-3) consistia em três defensores, dois laterais e um zagueiro, dois meias de arranque, algo como os volantes, e dois meias armadores. Na frente, dois pontas e um centroavante, a colocação dos atletas lembrava um W e um M, por isso o nome da formação. Ainda mais interessante foi que nessa estratégia foi colocado um quadrado mágico no meio, não pelos atletas serem excepcionais, e sim por que a forma do meio campo poderia ser mudada de acordo com a necessidade do time, um meia de arranque poderia ir ajudar  na armação e vise-versa.

 

Ferrolho, A primeira grande retranca

Suíça 1938

 

O Austríaco Karl Rappan treinou a seleção suíça várias vezes entre 1937 e 1963. Ele introduziu àquela seleção um sistema de jogo mutável, em que o objetivo era defender. Apenas um homem ficava na frente, para puxar contra-ataques. Quatro defensores, um líbero, um zagueiro e dois laterais. Um meio campista recuado, dois mais centralizados, um ponta recuado, um ponta ofensivo e um centroavante. Basicamente um 4-4-1-1, o esquema defensivo foi o pai do Catenaccio Italiano. Com isso a Suíça eliminou a Alemanha em 38 e a Itália em 54.

 

A Revolucionária Hungria e seu 4-2-4

Hungria 1954

 

Gusztav Sebes era o ministro dos esportes húngaro e treinador principal da equipe que encantou o mundo nos anos 50. Ele poderia fazer o que quisesse. Remanejou jogadores e criou dois supertimes no campeonato húngaro. Trouxe esse entrosamento para a seleção e deu no que deu. O Esquema 4-2-4 húngaro consistia em 4 defensores, fora o goleiro líbero, um back recuado, um marcando e dois laterais, um meio campista recuado, um meio que chegava ao ataque e um Ponta-de-Lança, era um atacante que armava de trás. Dois pontas e um centroavante, sendo que esse centroavante era Hidegkut, ele voltava para armar pelo meio, simplesmente quebrando todo e qualquer sistema defensivo WM. Golearam a Inglaterra em Wembley, foram campeões olímpicos e vice da Copa de 54.

 

O primeiro 4-3-3

Brasil 1958

Brasil 1958

 

Outra revolução no futebol foi 4-3-3 brasileiro de 1958. A estratégia da moda ainda era o 4-2-4 húngaro, e o Brasil surpreendeu o mundo com um 4-3-3. A armação de Vicente Feola, o gênio da vez era Zagallo, que mesmo aparecendo como ponta esquerda, ele na verdade atuava recuado, ajudando tanto Nilton Santos quando Didi na armação. O time brasileiro consistia com uma linha defensiva de quatro, um volante, um meia armador, um ponta recuado, um ponta de lança, um ponta direita e um centroavante. O time venceu a Copa e mostrou ao mundo uma nova forma de jogar.

 

Catenaccio

Inter de Milão 1964

O Catenaccio era um sistema que visava a defesa. Basicamente consistia num sistema de jogo 5-4-1 ou 5-3-3. O sistema foi base da seleção italiana por muitos anos. Quatro zagueiros fixos, um deles o líbero um zagueiro e dois laterais. Três meias, um volante e dois de armação, dois pontas e um centroavante. Sendo que os pontas sempre voltavam para fechar a linha de meio campo, geralmente apenas um jogador ficava a frente quanto o time era atacado.

 

4-4-2 Inglês

Inglaterra 1966

Inglaterra 1966

 

Sir Alf Ramsey, criou a formação que até hoje ainda é muito usada pelos ingleses. O 4-4-2 Inglês, pegando como base no 4-2-4 básico, ele simplesmente recuou os pontas e criou os Winger, o meia de lado que está em praticamente todos os times da Premier League e na seleção inglesa até hoje.  O esquema consistia numa linha defensiva de quatro. O líder da defesa Bobby Moore, um monstro na defesa, poderia se unir ao meio-campo em algum momento da partida, dependendo do jogo. Outra linha de quatro no meio campo, com dois meias abertos, um volante e um central que armava o jogo. Na frente, dois centroavantes fixos, no caso Hunt e Hurst, duas torres, dois gigantes, foi aí que começou o show de cruzamentos que nos habituamos ver o futebol inglês fazer em praticamente todos os jogos, o Muricybol surgiu daí!

 

Os 5 camisas 10

Brasil 1970

 

O que fazer com um time que tem cinco jogadores que jogam na mesma posição e são craques? Adaptar uma formação para eles. Zagallo conseguiu pôr em campo o que tínhamos de melhor. Uma linha de quatro, com Carlos Alberto quase um ala, um volante fixo, e aí começa a mágica. Gérson foi posto quase como um segundo volante, Rivelino ficou como falso-ponta, fechando pelo meio, Pelé atuou como Ponta de Lança e Tostão como centroavante, jogando mais pela esquerda. Enquanto o ponta Jairzinho tinha espaço para entrar pela direita. Uma adaptação interessante, possivelmente o melhor aproveitamento de talentos já visto.

 

Carrossel Holândes

A Laranja Mecânica de 1974

 

A maior inovação e Revolução do futebol foi resultado de uma série de problemas. O primeiro dos problemas foi que o treinador Rinus Michels havia perdido seus dois zagueiros antes da competição, então teve de pôr dois volantes na função. Outro problema do treinador é que existia pressão de Amsterdã e Feyenoord para que atletas dos seus clubes fossem maioria no time, então o treinador convocou um goleiro-líbero de um timeco de Amsterdã. O nível intelectual do time era superior a todos já vistos, e o time não tinha preparo físico suficiente para aguentar a copa toda, então o treinador aproximou o time, compactado o time jogava apenas num curto espaço, onde tanto abafaria os ataques adversários com uma marcação de oito atletas e iria em progressão ao gol adversário. Mas o mais interessante é que os jogadores não guardavam posição, quando qualquer atleta estava com a posse da bola, seus companheiros giravam em torno dele, foi daí que surgiu o termo “Carrossel”. O time simplesmente arrasou todo mundo que viu, liderados pelo incrível Cruyff, chegou a final contra a Alemanha, marcando um gol sem deixar o time rival tocar na bola, mas acabou perdendo, e nunca mais se viu o Carrosel Holandês por aí.

 

The video cannot be shown at the moment. Please try again later.

 

3-5-2 da Dinamarca

Dinamarca 1986

 

Sepp Pionek, o alemão que treinava a Dinamarca semifinalista da Euro 84 inovou num esquema de três zagueiros que não era defensivo. Tudo por conta de Olsen, o líbero da dinamarca que saía para o jogo quando o time estava com a posse de bola, chegando a incorporar o meio campo e, em alguns casos, o ataque. Um linha de três defensores, no meio campo, um volante, dois alas, dois meias armadores e dois centroavantes um pouco abertos. O sistema foi muito utilizado na Europa nos anos 90.

 

A Loucura de El Loco Bielsa

Chile 2010

 

Não conseguiu grande destaque internacional, mas o esquema louco do El Loco Marcelo Bielsa inova de uma forma interessante. O 3-3-3-1 que o argentino incorporou tanto em sua pátria quando na boa seleção chilena de 2010 foi uma das bases usadas por Guardiola no Super-Barcelona. O time constava com três defensores, sendo que os dois do lado podem sair para jogar, um volante, dois meias abertos, uma linha de três meias-atacantes e um centroavante fixo.

 

Super-Barça de Guardiola

Barcelona 2011

 

 

O time que mais se aproximou do Carrossel Holandês foi o Barcelona de Guardiola. Ele foi treinado pelo gênio Johan Cruyff, e usou de sua experiência com o craque holandês para fazer seu próprio esquema vitorioso. O time ficava com a bola o tempo todo, a posse de bola era o mais importante, a melhor defesa é o ataque. Parecia um 4-3-3 com um falso-nove na frente, que virava 3-4-3 quando tinha a bola e Abidal passava a ser zagueiro. Também viraria 3-6-1, 4-5-1. O importante é que o time girava e mudava a formação o tempo todo, o time se tornou uma força letal, que só foi batida com uma defesa muito sólida. Mesmo não sendo o carrossel holandês, esse time impressionava, um dos melhores do mundo, com uma tática bem difícil de ser repetida.

 

****

Então é isso pessoal! Alguma critica, sugestão? Faltou algum time? Obrigado por lerem!

 

Pesquisado em:

http://images.ig.com.br/copa2010/infografico/index.html

http://ademirtozizinho.blogspot.com.br/

http://www.taticadojogo.com.br/

http://globoesporte.globo.com/platb/olhotatico


  1. Hi my loved one! I want to say that this article is awesome, nice written and include approximately all significant infos. I would like to see extra posts like this .

  2. Hi there, I discovered your web site by way of Google at the same time as searching for a similar matter, your website came up, it looks great. I’ve bookmarked it in my google bookmarks.

  3. I wish to get across my gratitude for your generosity supporting folks who absolutely need guidance on your area of interest. Your personal commitment to passing the solution all through appeared to be amazingly productive and has usually permitted guys just like me to realize their pursuits. Your personal warm and helpful instruction denotes a whole lot to me and much more to my mates. Warm regards; from each one of us.

  4. I¡¦ve been exploring for a little for any high quality articles or blog posts on this sort of area . Exploring in Yahoo I at last stumbled upon this site. Studying this information So i¡¦m happy to exhibit that I have an incredibly excellent uncanny feeling I found out just what I needed. I such a lot unquestionably will make certain to don¡¦t forget this site and provides it a look regularly.

  5. mental health disse:

    Terrific paintings! This is the type of info that are supposed to be shared around the net. Shame on the seek engines for no longer positioning this post upper! Come on over and visit my website . Thanks =)

Deixe seu Comentário

Guest no horário do Servidor é Thursday, June 21, 2018 06:24:53

Connect with:



Sobre o Autor

Yan Cavalcanti, 22 anos, paraibano apaixonado por futebol desde pequeno. Graduando em Sistemas para Internet pelo IFPB, ex-aluno Marista, Estagiário da Dataprev, Goleiro ofensivo, gamer, e acima de tudo fã de um futebol bem jogado e analista da parte tática, sempre tentando arrumar uma forma de explicar uma partida de futebol.

Sobre o Blog

O Futeblog nasceu da vontade de compartilhar com o mundo minha visão sobre o futebol, espero aqui discutirmos de simples opiniões apaixonadas até questões táticas profundas, conto com ajuda de vocês para que possamos tornar esse blog uma ótima experiência fora das quatro-linhas, do passado ao presente, futeblog está aqui para que nós possamos mostrar como vermos esse esporte que é a maior paixão nacional de todas!

Enquete

Neymar está pronto para guiar a Seleção Brasileira em 2014?

View Results

Loading ... Loading ...